Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

fix_conexao-jovem
No comando: Conexão Jovem

Das 11:00 às 12:00

21433221_1160179574117051_6621931202814648696_n
No comando: Balada Sertaneja

Das 18:00 às 20:00

19260740_1100315043436838_6233774128744500953_n
No comando: Clube Hits Retro

Das 22:00 às 00:00

Dois homens são presos por sequestro e assassinato

Compartilhe:
cb045fc954a06d4f45fc078e72c8e1dd

Vítimas foram atraídas até Nova Granada para um encontro com uma mulher, mas o perfil era falso e os dois caíram numa cilada

Dois homens de 27 anos foram presos pela Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Rio Preto no feriado prolongado de 1º de maio, suspeitos de sequestro de dois rapazes de Rio Preto e também de matarem por vingança uma das vítimas, José Ribamar Mendonça Gomes, de 23 anos, em 28 de abril na cidade de Icém. Os nomes das vítimas não foram divulgados pela policia.

Um dos agressores foi namorado da ex-mulher de José Ribamar e tinha raiva por ter perdido a mulher.

Segundo informações da DIG de Rio Preto, José Ribamar, que mora e trabalha em Rio Preto, foi atraído até Nova Granada para um encontro amoroso, por meio de uma pessoa que fez um perfil falso em uma rede social se passando por uma mulher.

Como ele não tinha carro, pediu ajuda para um colega, outro maranhense, de 23 anos, para ir até o encontro.

Os dois saíram de Rio Preto de moto e quando chegaram em Nova Granada receberam uma mensagem de que a “mulher” estaria em Icém. No caminho para o novo destino, os dois rapazes foram interceptados por uma Parati onde estavam dois homens de 27 anos, e obrigados a abandonar a moto e entrar no porta-malas do carro.

O carro seguiu viagem até um canavial na zona rural de Icém. No local, um dos homens contou que era ex-namorado de uma mulher com quem José Ribamar tinha sido casado, e desde aquela época nutria um sentimento de ódio por ele.

Os dois rapazes foram colocados em pé, mas de costas para os dois agressores que estavam armados. Na sequência, o assassino disparou duas vezes contra José Ribamar, que foi atingido na barriga e no peito.

O colega dele aproveitou o momento em que a dupla conferia se José estava morto e resolveu correr no meio do canavial. Os dois homens o perseguiram a pé e ele acabou sendo atingido de raspão nas costas.

Para escapar, o rapaz de 23 anos se escondeu no canavial e só saiu depois de ter a certeza de que os dois homens tinham desistido de encontrá-lo. O jovem ligou para Polícia Militar e foi levado até a delegacia de Icém.

Devido a gravidade do caso, o delegado de Icém, Paulo Buchala, pediu apoio do delegado de Palestina, Malcolm Montanare, e do delegado da DIG, Wander Solgon. Após buscas, os três delegados conseguiram prender um dos suspeitos. Na terça-feira, 1º de maio, foi preso o segundo suspeito de participar do crime.

Também foi apreendido o carro usado pelos dois suspeitos para fazer o sequestro. O veículo vai passar por pericia e os dois detidos estão na carceragem da DIG de Rio Preto. Por enquanto não foram encontradas as armas usadas no crime.

Fonte: Diario da Região 

Add nosso perfil no Facebook

Curta nossa Fan Page

Faça parte de nosso grupo no Facebook

Deixe seu comentário:

Curta no Facebook

Últimos eventos